Connect with us

Assistência Social

Programa Criança Feliz capacita visitadores para atendimento remoto

Postado

on

A equipe de visitadores do Programa Criança Feliz, em Cachoeiro, está recebendo capacitação para fazer, de forma remota, o atendimento às famílias beneficiárias. A medida é necessária devido à pandemia do novo coronavírus, que impossibilita as visitas domiciliares, pela necessidade do distanciamento social.

O treinamento segue até esta quarta-feira (24), nos Centros de Referência e Assistência Social (Cras) dos bairros Zumbi, Alto União, Aeroporto, Village da Luz e Jardim Itapemirim, das 9h às 14h. Os visitadores estão sendo capacitados, individualmente ou em dupla, e todos os cuidados sanitários necessários são adotados durante as atividades.

Os participantes são instruídos a dar continuidade à assistência prestada às famílias, que tem foco no desenvolvimento integral das crianças de 0 a 6 anos e no fortalecimento do vínculos familiares e comunitários. Também são orientados a reforçar, junto aos beneficiários, as medidas preventivas relacionadas à Covid-19.

As visitas remotas já estão sendo realizadas por meio de ligações e videochamadas pelo celular, com os cuidadores (pais e responsáveis legais) das crianças e com as gestantes acompanhadas pelo programa. 

“Estamos empenhados em garantir que, mesmo em tempos de pandemia, os beneficiários do programa não fiquem sem o atendimento, que tem feito a diferença no desenvolvimento das crianças e na assistência às gestantes e famílias acompanhadas”, ressalta a secretária de Desenvolvimento Social de Cachoeiro, Márcia Bezerra.

O programa

A principal ação do Programa Criança Feliz é a realização de visitas domiciliares. Elas representam uma estratégia de aproximação dos serviços com a família atendida e, por isso, favorecem um reconhecimento mais preciso das características, potencialidades e necessidades de cada contexto, resultando em propostas de intervenção singulares, pertinentes a cada realidade.

Estudos mostram que as visitas domiciliares são efetivas para fortalecer os vínculos e as competências da família para o cuidado das crianças e promover o desenvolvimento infantil.

As visitas domiciliares no Programa Criança Feliz assumem, então, as perspectivas da prevenção, da proteção e da promoção do desenvolvimento infantil, principalmente, na primeira infância (0 a 3 anos).

Parceria entre Prefeitura e governos estadual e federal, o programa foi implantado, em Cachoeiro, em 2017 e, atualmente, atende cerca de 120 famílias.