Connect with us

Destaque

NOTA DE REPÚDIO – ADJORI por equipes de jornais serem ameaçadas ao vivo em telejornal

A ADJORI manifesta total repúdio contra esses bandidos que desafiam a nossa democracia, a imprensa e os poderes de segurança, querendo impor o terror na comunidade e nos capixabas.

Postado

em

A Associação de Jornais e Revistas de Interiores do Espírito Santo – ADJORI / ES – vem a público  expressar total repúdio em defesa dos jornalistas e cinegrafistas que foram impedidos por supostos bandidos  de trabalhar no bairro Planalto Serrano, no município de Serra, na manhã desta terça-feira, 2 de março. No momento da abordagem, os profissionais relatavam um tiroteio ocorrido na comunidade na noite de ontem (01), confira como ocorreu.

Click na imagem e assista momentos de pânico.

Equipe de jornalistas da TV Gazeta, afiliada da Globo no Espírito Santo, foi ameaçada ao vivo durante interrogatório em um ponto de ônibus na região da Grande Vitória. Um repórter e um cinegrafista ao vivo entraram no Bom Dia ES e mostraram os passageiros no ponto de espera pelos coletivos.

Ao contar sobre o ocorrido na comunidade, uma motocicleta com dois elementos parou ao lado de jornalistas da TV Gazeta, e outra equipe de jornalistas da TV Tribuna, filial do SBT no ES, estava no local, ameaçando se continuassem a divulgar o fato. . Suspeitos de tráfico na região até dispararam para o pânico. Sem reação, as equipes da estação deixaram a região do Planalto Serrano, na comunidade da Serra. Segundo a informação, um grupo de traficantes proibiu a circulação de coletivos, o que prejudicou os moradores da cidade. 

Após a ameaça ao time da TV Gazeta, a dupla fez gestos para as demais equipes. “Eles passaram por mim e foram um pouco mais longe, já começaram a dar o sinal de ‘corra’ para as equipes. Eu estava até me preparando para gravar, mas não consegui. Durante este tempo, vi-o passar ao lado das equipes, organizando e eliminando fotos porque não queriam ter problemas com ninguém. Eles disseram que tinham que remover as imagens, “caso contrário, os meninos veriam”, disse Suzy.no tribuna online.

Os tiros para o alto assustou os moradores que estavam no ponto de ônibus. “Assim que eles saíram em direção ao Bloco B, eles dispararam para o ar e continuaram subindo. As pessoas ao nosso redor, apavoradas com o que haviam feito, imploraram para que saíssemos dali. Então saímos daqui porque não tínhamos segurança ”- resumiu a jornalista.

Equipes de reportagem foram expulsas enquanto registravam a dificuldade de moradores para pegar ônibus (Imagem: Reprodução / TV Tribuna)

Esperamos uma manifestação e uma ação tanto do governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública, quanto da Guarda Municipal da Serra, para que esses bandidos sejam identificados punidos com o rigor da Lei.

Comente Aqui!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *