Connect with us

Assistência Social

Cachoeiro recebe R$ 460 mil para assistência social durante pandemia

Postado

on

A Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim recebeu, nesta semana, um repasse de R$ 461.580 em recursos emergenciais do governo federal para ações socioassistenciais relacionadas ao combate à pandemia de Covid-19. A solicitação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) foi encaminhada, por meio de Termo de Aceite, no início deste mês de maio ao Ministério da Cidadania.

A maior parte da verba, R$ 306 mil, será destinada ao alojamento ou remanejamento de usuários do Sistema Único de Assistência Social (Suas), de forma a garantir o distanciamento social necessário durante a pandemia. Os usuários abrangem abrigados em instituições de acolhimento, como Aprico Rei Davi e Lar João XXIII, e pessoas em situação de rua, desabrigados, desalojados ou em situação de imigração.

Outros R$ 119.700 serão destinados à compra de equipamentos de proteção individual para os 228 servidores que atuam nas unidades públicas de atendimento do Suas – Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Centro POP, Aprisco Rei Davi e Recanto da Criança.

Também haverá R$ 35.880 para aquisição de alimentos para pessoas idosas e com deficiências atendidas por três instituições de acolhimento e proteção: os lares Adelson Rebello Moreira, João XXIII e Nina Arueira.

Existe a previsão de recebimento de uma segunda parcela de R$ 341.880, para subsidiar a alimentação das Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPI’s) e as ações de alojamento ou remanejamento dos usuários do Suas.

Todos os procedimentos relativos ao repasse da verba, incluindo a elaboração do plano de trabalho, tiveram acompanhamento e aprovação do Conselho Municipal de Assistência Social de Cachoeiro de Itapemirim (Comasci).

“Estamos sempre buscando melhorias para os nossos equipamentos públicos e para as entidades socioassistenciais que apoiamos, mas a situação atual requer uma atuação mais intensa. Por isso, nos mobilizamos prontamente para conseguir essa verba”, afirma a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra.

“Estamos diante de uma nova realidade, muito desafiadora para a administração municipal, e as pessoas em situação de vulnerabilidade social sãos as mais expostas a riscos. Por isso, essa verba chega em muito boa hora”, destaca o prefeito Victor Coelho.